⛵ O Veleiro | Diário #7


Veleiros trazem coisas valiosas quando retornam ao solo. Trazem coisas físicas, sentimentos únicos e momentos que perduram uma vida inteira. Não precisei viajar a bordo de um veleiro para aproveitar tudo isso, eu apenas ganhei um.

Pequeno, carrega o que há de mais poderoso no universo. Além do céu e das estrelas, dentre tantas coisas físicas e imateriais. Esse pequeno veleiro pode até mesmo ser carregado no bolso e assim me foi entregue: de olhos fechados. Uma cena digna de um livro que jamais irei compartilhar pela perfeição que o momento carregou.

A data é 15 de setembro, mas dependendo de quando estará lendo isso, era o meu ontem. Agora estou no meu hoje, relembrando do passado. Dos meus tempos amarelos que viraram longos cinzas. Mas hoje existe um longo momento azul na minha vida. Uma cor nova que sempre me visita nos fins de semana. Renovo minha mente e meu corpo com a visita mais que prazerosa de uma pessoa muito especial. Conversamos sobre livros e o restante de tudo no mundo, mas existe algo mais.


Existe a sensação de estar com o coração acelerado demais que faltam palavras para agradecer. O ambiente fica um pouco estranho e você não consegue dizer nada, só aprecia o momento. Se isso nunca aconteceu com você, o inesquecível ainda está guardado em algum lugar em você, basta esperar.

Mas comigo aconteceu antes do que esperava. Um veleiro de madeira, uma lembrança, uma coisa física que mostra que alguém lembra de você. Que você existe no mundo dela, que não sou tão invisível como pensava.

Um veleiro de madeira que faz com que você viva e esqueça do seu passado mais perturbador. Eu só queria chorar e abraçá-lo eternamente, mas ganhei muito mais que isso. Acabei descobrindo coisas novas que pensei nunca mais ver novamente. Um barquinho, uma pessoa e um só momento.

Sentimentos são complicados, mas estamos livres para sentir. Mas para você, pessoa do barquinho e do melhor abraço do mundo, só quero agradecer por me fazer bem. Toda vez me sinto incrível e com sua presença estou aprendendo sobre o mundo e criando um só nosso.

Espero que nossa exploração comece, que peguemos esse veleiro para viajarmos para lugares alternativos e que a gente experimente coisas novas. Quem diria que um barco aos meus 21 anos fosse tão importante assim. Obrigado.

Compartilhe:

6 comentários

  1. Que texto lindo e delicado <3
    Amei a forma que usou as palavras
    Parabéns <3

    Sai da Minha Lente

    ResponderExcluir
  2. São Palavras muito bonitas, o texto ficou ótimo, cheio de sentimento, Parabéns ♥

    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Oi!
    Ao ler o texto pude perceber o tanto de sentimentos colocados em suas palavras e a alegria de passar para nós. Os sentimentos e os conflitos existentes que perpetuem em cada parágrafo, parabéns pelo texto e continue escrevendo. abraços!

    ResponderExcluir
  4. Gostei muito do seu texto, vi uma delicadeza nas palavras. Passa bastante emoção, acho que você conseguiu passar muito sentimento com ele.
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

    ResponderExcluir
  5. Oi Ytalo.

    Parabéns pelo texto. Gostei muito da suas palavras, pois elas conseguiram transmitir seus sentimentos. Espero que continue escrevendo textos dessa forma.

    Bjos
    https://historiasexistemparaseremcontadas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Estou emocionada com o seu texto, ele está carregado de sentimentos!
    Parabéns de verdade!

    ResponderExcluir